sábado, 28 de setembro de 2013

Brigada Militar realiza formaturas e promoções de sargentos


         A partir da sexta-feira (27), a Brigada Militar passa a ter mais 412 policiais militares na graduação de 2º sargento. São 3º sargentos e soldados que se formam no Curso Técnico em Segurança Pública (CTSP) e, ao mesmo tempo, recebem suas promoções.    As formaturas serão realizadas nas cidades onde ocorreram os cursos. Em Osório, às 10 horas, na Vila Olímpica – Ginásio A (Av. Marcílio Dias, 872), acontece o ato solene para os 66 alunos da Escola de Formação e Especialização de Soldados (Esfes). Também às 10 horas, a turma de 100 brigadianos da Esfes de Montenegro terá solenidade no Ginásio Sesi (R. Campos Neto, 455, bairro Timbaúva). Em Porto Alegre, às 16 horas, será a formatura de 67 alunos da Escola de Bombeiros/EsBo (R. Silva Só, 300, bairro Santa Cecília). A Escola de Formação e Aperfeiçoamento de Sargentos de Santa Maria (Esfas/SM) promoverá a formatura de 179 alunos às 16 horas, no Estádio da Guarnição da Brigada Militar (R. Pinto Bandeira, 350, bairro N. Srª das Dores) e, em caso de mau tempo, o evento passará para o ginásio do Clube Recreativo Dores (R. Bento Gonçalves, 400, bairro N. Srª das Dores).    Os policiais militares do nível médio frequentaram o CTSP no período de novembro de 2012 a setembro de 2013. Entre as diversas disciplinas estavam policiamento ostensivo nas modalidades comunitário, trânsito, ambiental e operações especiais; uso da arma de fogo; sociologia da violência e da criminalidade; direitos humanos; mediação de conflitos; criminalística; comando de frações destacadas e várias áreas do direito e da administração pública.    O Comandante-Geral da Brigada  Militar, Coronel Fábio Duarte Fernandes, deverá participar das formaturas em Osório e em Porto Alegre. Para ele, a ascensão na carreira do policial militar significa não apenas o crescimento pessoal, mas o fortalecimento de toda a Instituição. “Esses servidores saem da rotina em que dominam o fluxo diário de suas atividades e, muitas vezes, ficam longe de seus lares para se dedicarem ao avanço do conhecimento, das técnicas de policiamento e das questões complexas de segurança pública. Não só eles ganham pessoalmente com isso, mas, sobretudo, a Corporação, que passa a contar com profissionais cada vez mais capacitados”, falou o coronel Fábio Fernandes.    A distribuição dos novos sargentos nas Organizações Policiais da Brigada Militar será feita de acordo com as necessidades da Corporação, podendo, alguns, retornar para suas Unidades de origem.

GABINETE DO COMANDANTE-GERAL

Texto: Jornalista Jussara Pelissoli (RMT 6108)

Nenhum comentário:

Postar um comentário